Cacá Diegues participa do Diálogos com o Cinema 2018 e lança O Grande Circo Místico no Ponto Cine

Em um momento tão especial para o Ponto Cine, ele não poderia deixar de receber Cacá Diegues, o seu padrinho e um dos maiores gênios do cinema brasileiro para a primeira exibição da programação 2018 do Diálogos com o Cinema, no lançamento de O Grande Circo Místico.


Cacá Diegues e Adailton Medeiros, diretor do Ponto Cine no debate do Diálogos com o Cinema " O Grande Circo Místico"

Cacá sempre acompanhou a jornada do Ponto Cine desde a sua abertura em 2006 e doze anos depois ele esteve no Diálogos com o Cinema para apresentar o filme considerado por ele como o filme mais importante da sua vida, "O Grande Circo Místico".

O filme conta a história de diversas gerações de uma mesma família que atravessa as décadas em um circo comandado por Celavi ( Jesuíta Barbosa), um mestre de cerimônia imortal que direciona os dramas, as felicidades e amores dos membros da família circense.


O público se emocionou com o filme e o aplaudiu de pé, reafirmando e justificando o quanto a nova produção de Cacá é especial.


Adailton Medeiros apresente o novo filme de Cacá Diegues

Adailton Medeiros mediou o papo com a plateia e se emocionou quando apresentou a Medalha da Ordem do Mérito Cultural Carioca da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro dedicada ao Ponto Cine. O Diálogos com o Cinema foi novamente o palco para as conquistas da sala que mais exibe filmes brasileiros do mundo.


Em 2018 o Ponto Cine recebeu a Medalha da Ordem do Mérito Cultural Carioca, pela Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro;

Durante o debate, Cacá aproveitou o gancho e começou a sua fala reforçando a importância do Ponto Cine para o cinema brasileiro e para a cidade e se mostrou novamente honrado por participar do projeto.

A partir disso, o público soltou elogios à sensibilidade de Cacá e do elenco, e Léo Barros, um dos presentes na sessão se emocionou e emocionou a todos com o seu depoimento. " Esse cinema é o lugar mais importante da minha vida e o senhor é o cineasta mais importante dela", disse Léo a Cacá.



No dia do encontro um grupo de artistas do bairro perguntaram para Cacá sobre os desafios de fazer um filme e o mestre do cinema revelou " que quando se tem uma boa ideia se faz um filme com ou sem dinheiro, com equipamentos caros ou baratos" e perguntado por Adailton sobre os seus sonhos, Cacá disse: "Meu grande sonho é que tivessem vários Ponto Cine's por todo Brasil.".


PÁGINAS

PROJETOS

INFORMAÇÕES

contato@pontosolidario.org

55 (21) 3106-9995

Ponto Solidário, Guadalupe, RJ - Brasil

© 2019 por Guilherme Rocha | Ponto Solidário